Marcas Mundiais Mais Valiosas em 2017 - Por País - The World´s Most Valuable Brands 2017 by Country




Brand Finance coloca milhares das maiores marcas do mundo para teste a cada ano, avaliando quais são as mais poderosas e mais valiosas. As 500 marcas mais valiosas do mundo estão incluídas no relatório Brand Finance Global 500.


Nas primeiras 10 posições, com excepção do Walmart, o 8º lugar mais estável, está o ICBC, o banco chinês que entra pela 1ª vez no Top 10, todos os outros são Marcas de empresas de tecnologia como o Facebook que saltou do 17º lugar em 2016 para o 9º lugar. Muitas dessas Marcas têm mais dinheiro e poder do que muitos países. O infográfico acima mostra as Marcas de maiores valores em cada nação.



Seis anos depois de ter perdido a coroa para a Apple Inc., a Google Inc. tem recuperado o  título da marca mais valiosa do mundo . No entanto, não se pode esquecer que na mesma época (cerca de seis anos atrás), em 2011, o falecimento de Steve Jobs. Aparentemente a Google venceu, principalmente porque a queda da Apple foi ainda mais dramática. A empresa do iPhone viu sua queda de valor em 26%.



A partir de 2017, a marca Alphabet Inc da Google foi para US$ 109,47 bilhões, e a Apple foi avaliada em US$ 107,14 bilhões. A Amazon está em 3º lugar com US$ 106 bilhões.



A Samsung, os sul-coreanos conglomerado, vale dois terços da Google (ou da Apple, ou Amazon), refletindo o domínio global da economia dos EUA. 




Em 3º lugar na lista dos países está o ICBC um banco chinês. Os bancos são as empresas líderes neste mapa, no topo da lista das Marcas avaliadas em não menos do que 8 países. Mas aquele com um reconhecimento verdadeiramente global é o espanhol Santander, sendo o segundo maior do mapa, no que diz respeito a bancos. Os outros são grandes em casa, mas menos conhecidos no exterior como: o Royal Bank of CanadaSberbank da Rússia, Itaú no Brasil; e os acrônimos DBS, QNB e KBC em Cingapura, Catar e Bélgica, respectivamente. A gigante dos seguros AIA, com sede em Hong Kong, completa o segmento de serviços financeiros.


Apesar da queda atual dos preços do petróleo, as companhias de petróleo e gás em primeiro lugar entre as marcas mais valiosas, estão em nada menos do que 7 países. A maior delas é a Shell, com sede na Holanda. A Shell vale mais do que o triplo da Eni na Itália ou a Petronas na Malásia. Entre as demais gigantes do petróleo e gás valorizadas nos dígitos dos bilhões estão: PEMEX do México, Statoil da Noruega, PTT da Tailândia e Ecopetrol da Colômbia. Sendo cada uma, grande o suficiente para lançar sombra sobre qualquer outra empresa em seus próprios países.

Curiosamente, o Google é a única marca baseada em Internet deste mapa. O Estados Unidos está muito à frente de outros países em seu domínio corporativo no mundo online. Mas em outros 5 países, a marca mais valorizada vêm do setor de telecomunicações. A Vodafone (UK) e a Orange (França) têm praticamente o mesmo tamanho e estão no topo da lista, seguidas pela Telstra da Austrália, STC da Arábia Saudita e Telkom da Indonésia. A Nokia da Finlândia e a Taiwan Semicondutores são as únicas outras marcas diretamente relacionadas ao setor das TIC - é claro, além de conglomerados como Tata (Índia), que têm seus 'dedos em muitas tortas'.

Talvez as marcas mais conhecidas são aquelas que se especializam em produtos de consumo, carros, por exemplo: Toyota, a maior marca de valor no Japão, e a BMW, a marca alemã mais rica. Ou a empresa de mobiliário sueca IKEA, na Dinamarca e temos a empresa de brinquedos Legoou até mesmo empresas de bebidas como a Red Bull, a marca número 1 na Áustria. Compradores meticulosos reconhecerão a logomarca da Nestlé em muitos de seus produtos alimentares, ajudando, assim, a empresa suíça na geração de receitas anuais em torno de US$ 19,4 bi. A empresa Emirates, a maior marca dos Emirados Árabes Unidos, também é uma das companhias aéreas mais importantes no mundo. Menos conhecido do público em geral estão a Falabella, a gigante do varejo chileno, e a Medtronic, prestador de serviços de saúde na Irlanda.

Como pôde perceber, a cor azul escuro na Google, a maior marca do mundo, também está mais forte do que qualquer outra Marca neste mapa. Outras Marcas estão em azul claro e se enquadram na 2ª categoria como mais fortes (80-90), incluindo Shell, BMW e Samsung. Em menor importância está a categoria rosa (70-80), incluindo Eni, Santander e Vodafone. Apenas alguns mercados - marcas líderes - têm um índice de força inferior a 70, o que se traduz numa crise de confiança: Taiwan Semiconductor e PTT da Tailândia.

Determinação da Taxa de Royalty

De acordo com as diretrizes do BSI - Brand Strength Index ou Índice de Força da Marca, a Brand Finance estabelece os intervalos hipotéticos das taxas de royalties das Marcas com referência em três testes:

 • Contratos Comparáveis: Uma pesquisa de preços comparáveis aos acordos de licenciamento para as Marcas em cada setor é realizada a cada ano. As análises de margem então são comparadas com as taxas de royalties encontradas nestes acordos para analisar a importância da Marca na respectiva indústria e estabelecer uma taxa média adequada de royalties nesta.

 • Margens da indústria: Uma análise de 25% a 40% das margens, geralmente são aceitas como regras básicas para as taxas de licenciamento de todos os ativos intangíveis numa empresa. Essas taxas são ajustadas para levar em conta a importância da Marca em uma determinada indústria.

 • Acessibilidade: Em 3º lugar, é realizada uma análise dos royalties específicos da Marca. Se a Marca tiver sido capaz de sustentar lucros extraordinários durante um longo período de tempo, é provável que os proprietários de Marcas hipotéticas estariam dispostos a pagar mais próximo das margens da empresa do que a média da indústria. No caso dos modelos Brand Finance’s League Table, a acessibilidade será baseada na previsão de EBIT.

Os intervalos médios da taxa de royalties da indústria podem ser vistos abaixo

Brand Finance Global 500 – Full Table





:: The World´s Most Valuable Brands 2017 by Country


Deixe seus comentários, compartilhe este artigo!

⬛◼◾▪ Social Media ▪◾◼⬛
• FACEBOOK • TWITTER • INSTAGRAM  • TUMBLR   GOOGLE+   LINKEDIN   PINTEREST

⬛◼◾▪ Blogs ▪◾◼⬛
• SFE®  • SFE Tech®  • SFE Terms®  • SFE Books®  • SFE Biography®
⬛◼◾▪ CONTATO ▪

Vitrine

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...